Publicações

Conteúdo com Temas Insetos .

Insetos

Folder: Baculovírus: um inseticida biológico contra a lagarta da soja

Folder: Baculovírus: um inseticida biológico contra a lagarta da soja

Autoria: MOSCARDI, F

O que é baculovírus; Como age o baculovírua; Importante; Aplicação; Equipamento; Vantagens do uso do baculovírus; Lembretes importantes; Onde encontrar o baculovírus.


Monitoramento de pragas na cultura da soja - MIP Soja

Monitoramento de pragas na cultura da soja - MIP Soja

Autoria: CORRÊA-FERREIRA, B. S.

MIP Soja. Pragas. Doenças. Predadores.


Livro - Soja - Manejo Integrado de Insetos e outros Artrópodes-Praga

Livro - Soja - Manejo Integrado de Insetos e outros Artrópodes-Praga

Autoria: HOFFMANN-CAMPO, C.B.; CORRÊA-FERREIRA, B.S.; MOSCARDI, F.

Esta obra consiste em um compêndio completo e atualizado sobre os conhecimentos e as práticas integradas e sustentáveis para o manejo dos principais insetos e outros artrópodes-praga da soja. O lançamento da versão impressa será realizado no aniversário da Embrapa, em abril de 2013. A versão eletrônica, com acesso livre aos capítulos que integram essa obra, já pode ser acessada gratuitamente, nos links abaixo. O livro impresso, com capa dura, 860 páginas e acabamento luxo, será comercializado pela Livraria da Embrapa. Hoje, sabe-se que com o aumento da área e da intensidade de cultivo da cultura e de novas técnicas de produção, o equilíbrio entre os agentes benéficos (inimigos naturais) e as pragas se alterou. O uso continuado de inseticidas com o mesmo princípio ativo também acarretou surgimento de resistência a esses produtos em populações de insetos e artrópodes. Muitas pragas que eram consideradas secundárias hoje são de grande importância para a cultura. Esse compêndio aborda de forma aprofundada todos esses temas que são de grande relevância e necessidade, assim como as perspectivas do manejo integrado e sustentável dessas pragas, incluindo a discussão sobre pragas exóticas potenciais (ainda não presentes no nosso país), assim como as possibilidades inusitadas propiciadas pelo uso da biotecnologia.


Circular Técnica 78 - Práticas de manejo de pragas utilizadas na soja e seu impacto sobre a cultura.

Circular Técnica 78 - Práticas de manejo de pragas utilizadas na soja e seu impacto sobre a cultura.

Autoria: CORRÊA-FERREIRA, B. S.; ALEXANDRE, T. M.; PELLIZZARO, E. C.; MOSCARDI, F.; BUENO, A. de F.


Circular Técnica 79 - Níveis de desfolha tolerados na cultura da soja sem a ocorrência de prejuízos à produtividade.

Circular Técnica 79 - Níveis de desfolha tolerados na cultura da soja sem a ocorrência de prejuízos à produtividade.

Autoria: BUENO, A. de F.; BATISTELA, M. J.; MOSCARDI, F.; BUENO, R. C. O. de F.; NISHIKAWA, M.; HIDALGO, G.; SILVA, L.; GARCIA, A.; CORBO, E.; SILVA, R. B.

Nível de ação e o MIP-Soja. Ensaios com injúria na fase inicial da lavoura: Londrina, PR. Safras 2001/2002 e 2002/2003. Ensaios com diferentes níveis de desfolha em diferentes fases do desenvolvimento: Não-Me-Toque-RS e Sorriso-MT. Safra 2008/2009. Ensaios com diferentes níveis de desfolha contínua durante diferentes fases do desenvolvimento: Morrinhos, GO. Safra 2009/2010. Resultados obtidos que comprovam a segurança dos níveis de ação recomendados. Considerações finais.


Comunicado Técnico 80 - Inimigos naturais de Helicoverpa armigera em soja

Comunicado Técnico 80 - Inimigos naturais de Helicoverpa armigera em soja

Autoria: CORRÊA-FERREIRA, B. S.; HOFFMANN-CAMPO, C. B.; SOSA-GOMEZ, D. R.

Metodologia; Principais resultados; Ocorrência e a contribuição dos parasitoides; Manejo da cultura e os parasitoides; Principais parasitoides em Helicoverpa; Controle biológico natural como ferramenta do MIP-soja.


Folder Helicoverpa armigera e outros desafios do manejo de pragas na cultura da soja.

Folder Helicoverpa armigera e outros desafios do manejo de pragas na cultura da soja.

Autoria: BUENO, A. de F.; HIROSE, E.; SOSA-GÓMEZ, D. R.; HOFFMANN-CAMPO, C. B.; ROGGIA, S.

O problema. Manejo de Spodoptera spp., Helicoverpa spp. e Heliothis virescens na soja. Medidas de manejo: pré-semeadura, semeadura. Manejo após a semeadura: amostragem. Quando controlar Heliothis, Helicoverpa ou Spodoptera na soja? O que fazer no manejo.


Documentos 341 - MIP-Soja: resultados de uma tecnologia eficiente e sustentável no manejo de percevejos no atual sistema produtivo da soja

Documentos 341 - MIP-Soja: resultados de uma tecnologia eficiente e sustentável no manejo de percevejos no atual sistema produtivo da soja

Autoria: CORRÊA-FERREIRA, B. S.; CASTRO, L. C. de; ROGGIA, S.; CESCONETTO, N. L.; COSTA, J. M. da; OLIVEIRA, M. C. N. de

Introdução. Metodologia. Resultados e Discussão: Caracterização das unidades MIP no cenário agrícola; Identificação e monitoramento dos percevejos; Densidades populacionais de percevejos em relação ao desenvolvimento fenológico da cultur; Aplicações de inseticidas e o controle de percevejos no MIP-Soja; Análise do rendimento e da qualidade da soja em áreas de MIP6. Continuidade do Programa MIP-Soja. Considerações Finais.


Documentos 269 - Manual de identificação de insetos e outros invertebrados da cultura da soja

Documentos 269 - Manual de identificação de insetos e outros invertebrados da cultura da soja

Autoria: SOSA-GÓMEZ, D. R.; CÔRREA-FERREIRA, B. S.; HOFFMANN-CAMPO, C. B.; CORSO, I. C.; OLIVEIRA, L. J.; MOSCARDI, F.; PANIZZI, A. R.; BUENO, A. de F.; HIROSE, E.; ROGGIA, S.

Pragas que atacam plântulas; Lagarta-elasmo ou broca-do-colo (Elasmopalpus lignosellus); Lesmas e caracóis; Piolhos-de-cobra. Pragas que atacam raízes: Percevejo-castanho-da-raiz (Scaptocoris castanea, S. carvalhoi e S. buckupi Cochonilha-da-raiz (Dysmicoccus brevipes); Corós (Phyllophaga cuyabana, Liogenys spp., Plectris pexa e outros). Pragas atacam pecíolos e caules: Tamanduá-da-soja ou bicudo-da-soja (Sternechus subsignatus); Cascudinho (Myochrous armatus); Lagarta-maruca (Maruca vitrata) Broca-das-axilas (Crocidosema aporema); Búfalo-da-soja (Ceresa brunnicornis e C. fasciatithorax). Pragas que atacam folhas: Lagarta-da-soja (Anticarsia gemmatalis); Falsa-medideira (Chrysodeixis includens); Falsa-medideira (Rachiplusia nu); Lagarta-enroladeira (Omiodes indicata); Vaquinha-verde ou patriota (Diabrotica speciosa); Vaquinha (Cerotoma arcuata); Vaquinha (Colaspis sp.); Tripes (Caliothrips braziliensis e Frankliniella schultzei); Ácaro-verde da soja (Mononychellus planki); Ácaro-rajado (Tetranychus urticae); Ácaros-vermelhos (Tetranychus ludeni, Tetranychus desertorum e Tetranychus gigas); Ácaro-branco (Polyphagotarsonemus latus); Mosca-branca (Bemisia tabaci); Torrãozinho (Aracanthus mourei); Bicudo-pequeno-da-soja (Promecops claviger); Metaleiro (Magacelis sp.); Burrinho-da-batatinha (Epicauta atomaria; Gafanhotos. Pragas que atacam vagens: Lagarta-do-velho-mundo (Helicoverpa armigera); Lagarta-das-vagens (Spodoptera albula); Lagarta-das-vagens (Spodoptera cosmioides); Lagarta-das-vagens (Spodoptera eridania); Lagarta-das-vagens (Spodoptera frugiperda; Broca-da-vagem (Etiella zinckenella); Lagarta-da-maçã do algodoeiro (Heliothis virescens) -marrom (Euschistus heros); Percevejo-verde-pequeno (Piezodorus guildinii); Percevejo-verde (Nezara viridula); Percevejo-barriga-verde (Dichelops melacanthus e D. furcatus); Percevejo-edessa (Edessa meditabunda); Percevejo-acrosterno (Chinavia spp.); Percevejo-faixa-vermelha (Thyanta perditor); Bicudo-negro-pequeno-da-soja (Rhyssomatus sp.). Outros insetos comuns nas lavouras de soja: Percevejo-formigão (Neomegalotomus parvus); Larva-angorá (Astylus variegatus); Idi-Amin (Lagria villosa).